11 agosto, 2006

bouches

Um comentário:

Flutuar disse...

É nos seus lábios que descanso minhas perguntas...é no conforto macio de sua boca que deposito indagações, e que, doce e sutilmente as transformamos em redicências, em suspiros, em calor. Sem os seus lábios eu não teria os tão exaltados momentos de exclamação e nem o conforto suave, de uma vírgula e um ponto final. Obrigado pelos beijos doces dos seus lábios.